25 de mar de 2011

É isso?

"Um canto,
Umas plantinhas pra cuidar,
uma cortina colorida,
duas redes na sala de estar...
Toalhas de rendinhas pra forrar a mesa
que arrumo ao te esperar pro jantar.
Ter os amigos sentados no chão da sala,
tomando algo, falando besteiras, ligando pra pedir pizza...
Ninguém vai reparar se ainda não houver sofá.
Um chuveiro quentinho, um colchão pra deitar.
Um espelho bem grande,
incensos pra purificar.
Ter o beijo de bom dia assim que os olhos abrirem,
ter o cheiro do outro corpo ao lado quando for se deitar
A tv já temos, e o som não poderá faltar
Alguns quadros coloridos espalhados pelas paredes
Fotos, cores, desenhos
Quero também fazer umas colagens para me identificar
Vou aprender a cozinhar, e enquanto isso não ocorre esteja ciente de que o querido
pão na chapa nos acompanhará.
E quando o pequeno vier,
deixaremos tudo isso de lado
pra transformar nossa morada em um pequeno parque de diversões.

Isso é a vida acontecendo, nos encarando de frente e perguntando:
- E aí, topa?
Dividir as contas, os tenis, a coberta, e o caminhar? (...)"

3 comentários:

  1. Muito bom!!! Me lembrei de "O mundo anda tão complicado" da Legião Urbana...legal ver como as coisas mais simples são o contrato mais sincero...eu topo! rsss

    ResponderExcluir
  2. A vida nos toma invade! Gostei do espaço...:)

    ResponderExcluir
  3. Muito sua cara esse texto. Nem preciso dizer. Falar de tenis, pão na chapa e outras coisas. Gostei! Um beijo Kellyzinha do amor.

    ResponderExcluir